Malhas Texal não garante condições de saúde e segurança no trabalho

Malhas Texal não garante condições de saúde e segurança no trabalho

25 de Março, 2020 0

Segundo denúncia que recebemos a Malhas Texal, empresa têxtil de Guimarães especializada na confeção de pijamas, encontra-se em funcionamento exatamente como antes da crise pandémica. Apesar de se tratar de uma atividade não essencial, a laboração mantém-se, apesar das restrições impostas pela declaração do Estado de Emergência. A fábrica mantém entre 20 a 25 das trabalhadoras em actividade presencial, em condições que não respeitam as recomendações da Direção-Geral da Saúde. O relato assegura-nos que a situação foi já denunciada à GNR, não tendo tido qualquer sequência até ao momento em que divulgamos esta situação. As trabalhadoras, apesar do receio dos efeitos na saúde devido à falta proteção e de condições para continuar a trabalhar, ganham o salário mínimo e têm medo de perder o emprego.