ISS Facility Services: despedimento coletivo de 116 trabalhadores na empresa que limpa aviões da TAP

ISS Facility Services: despedimento coletivo de 116 trabalhadores na empresa que limpa aviões da TAP

9 de Outubro, 2020 0

A administração da ISS Facility Services, a empresa subcontratada para assegurar a limpeza dos aviões da TAP no aeroporto de Lisboa, avançou para o despedimento coletivo de 116 trabalhadores e trabalhadoras. Conforme divulgado na imprensa, os funcionários receberam a notificação do processo de despedimento coletivo em mão, no passado dia 7 de outubro, durante o horário de trabalho, sendo surpreendidos com esta decisão em pleno desempenho das suas funções. No documento entregue aos trabalhadores abrangidos, a empresa justifica a decisão com a redução da operação da TAP devido à crise sanitária.

Os trabalhadores alvo do despedimento foram já afastados do trabalho, uma vez que a notificação da empresa prevê a dispensa de comparecer ao serviço até à conclusão do processo de despedimento coletivo, “sem perda de retribuição ou qualquer outro direito”. Entretanto, o Sindicato dos Trabalhadores das Atividades Diversas já anunciou que vai reunir com os trabalhadores para analisarem a situação e decidirem as medidas a tomar.

A ISS é uma multinacional dinamarquesa dedicada à prestação de serviços e outsourcing em áreas como limpeza, segurança, catering e restauração ou gestão de espaços de trabalho, estando presente em 53 países e contando com mais de 500 mil trabalhadores.