SUCH encerra unidade do Fundão e deixa comunicado à porta a anunciar férias em julho

SUCH encerra unidade do Fundão e deixa comunicado à porta a anunciar férias em julho

15 de Julho, 2020 0

O SUCH – Serviço de Utilização Comum dos Hospitais interrompeu abruptamente a atividade na sua unidade de lavandaria hospitalar no Fundão. As funcionárias foram surpreendidas com o anúncio do encerramento da unidade, tendo a administração afixado uma comunicação à porta das instalações (ver fotografia abaixo), em que se limita a informar que “a lavandaria se encontra encerrada durante ao mês de julho” e a comunicar que “os trabalhadores afetos a este local gozarão férias neste mês”. Esta situação acontece depois de a administração da SUCH ter recentemente ameaçado fechar esta unidade, tendo sido forçada a recuar nessa intenção após a mobilização das trabalhadoras. Assim, este encerramento repentino das instalações, supostamente apenas durante o corrente mês, está obviamente a causar apreensão entre as trabalhadoras, conforme é confirmado pelos relatos que recebemos.

O Bloco já questionou o Governo sobre esta situação, nomeadamente quanto às razões para este encerramento repentino e sobre a forma como foi imposto o gozo de férias, salientando ainda que “é urgente entender o que motivou este encerramento” e pedindo ação concreta para a manutenção da unidade e dos postos de trabalho. Recorde-se que a intenção da administração, travada pela luta das trabalhadoras, seria a deslocalização da operação para uma outra unidade em Vila Franca de Xira.

As más condições de trabalho e os baixos salários têm suscitado o descontentamento e a luta dos trabalhadores e das trabalhadoras da SUCH. No passado dia 29 de junho, a greve destes e destas profissionais teve forte adesão, exigindo o devido reconhecimento do esforço e do trabalho essencial desenvolvido no combate à pandemia.

O SUCH – Serviço de Utilização Comum dos Hospitais é uma associação privada sem fins lucrativos, constituída em 1966 e tutelada pelos Ministérios da Saúde e das Finanças, com mais de 3.500 profissionais, prestando serviços às unidades hospitalares em áreas como instalações e equipamentos, lavandaria, cozinha, transporte, formação profissional, entre outras. A unidade do Fundão presta serviços de lavandaria aos hospitais da Covilhã, Fundão e Castelo Branco.